Jornal do Brasil

Quarta-feira, 23 de Abril de 2014

País

Calor leva a novo recorde de demanda por energia, diz ONS

Agência Brasil

A onda de calor que atinge todo o país, e em particular a Região Sudeste, levou a um novo recorde de demanda instantânea de carga no Sistema Interligado Nacional (SIN). Dados do Operador Nacional do Sistema (ONS) indicam que ontem (4) a demanda máxima instantânea no Subsistema Sul atingiu 17.412 megawatts (MW).

O novo recorde ocorreu às 14h e, segundo o ONS, foi decorrência da “continuidade das altas temperaturas e ao índice de desconforto térmico nessa região do país, na hora de maior insolação”. O recorde anterior ocorreu na última terça-feira (3), quando a demanda instantânea no SIN e no Subsistema Sudeste/Centro-Oeste, onde as demandas máximas instantâneas atingiram 84.331 MW às 15h32 e 50.854 MW às 15h33, respectivamente.

Com a onda de calor que vem assolando o pais neste verão, os recorde de demanda ao SIN vêm sendo batido com frequência. Na última terça-feira (27), no subsistema Sudeste/Centro-Oeste, a demanda máxima instantânea já havia atingido 49.227 MW. Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o recorde naquele dia ocorreu às 14h36.

Na avaliação dos técnicos, “as temperaturas que vêm se mantendo altas nessa região, principalmente nas capitais do Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, foram o motivo do aumento na carga, aliada ao reinício da atividade produtiva brasileira”.

No dia 29 do mês passado a carga máxima demanda chegou a 17.357 MW. No último dia 23 havia sido registrada a terceira quebra consecutiva do recorde de consumo, neste caso na Região Sul. Na oportunidade foram demandados ao sistema a carga máxima instantânea de 17.315 MW, fato ocorrido às 14h19.

Tags: calor, energia, ondam, recorde, verão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.