Jornal do Brasil

Sexta-feira, 22 de Agosto de 2014

País

Polícia Civil indicia dupla acusada de matar casal de turistas em MG

Portal Terra

A Polícia Civil de Minas Gerais indiciou pelos crimes de latrocínio, estupro e ocultação de cadáver dois homens acusados de matar um casal de turistas na Serra do Cipó, em Jaboticatubas, na região central do Estado. Alexandre Werneck de Oliveira, 46 anos, e a namorada dele, Lívia Viggiano Rocha Silveira, 39 anos, foram mortos em 3 de janeiro.

Marcos Magno Peixoto, 25 anos, e Helton Moreira de Castro, 19 anos, confessaram ter executado o casal e estão presos. Além do indiciamento, o delegado responsável pelo caso, Thiago Luz Goulart da Costa, pediu a manutenção da prisão preventiva da dupla.

O casal teria sido surpreendido no mirante da serra, onde observava o pôr do sol. Segundo o delegado Thiago Luz Saraiva, com um revólver calibre 22, os acusados renderam as vítimas, que foram levadas no carro do próprio Alexandre, uma Hilux, para o leito do rio Santo Antônio, a sete quilômetros de Conceição do Mato Dentro, onde foram executados.

Os dois suspeitos ainda teriam estuprado Lívia Viggiano antes de executá-la com dois tiros na cabeça, conforme apontou a perícia. Alexandre foi morto primeiro, com três disparos na cabeça e um no braço. Os corpos das vítimas foram jogados no rio.

A polícia ainda investiga se houve a participação de mais pessoas no crime. Caso isso se confirme, será instaurado um novo processo.

Tags: cipó, gerais, MINAS, morte, serra

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.