Jornal do Brasil

Quinta-feira, 21 de Agosto de 2014

País

No dia mais quente do ano, sensação térmica chega aos 43°C em SC

Portal Terra

A onda de calor continua a não dar trégua no sul do Brasil. A temperatura em Florianópolis atingiu a marca de 36,5ºC na tarde desta quarta-feira. A sensação térmica em Santa Catarina chegou aos 43°C, o dia mais quente de 2014.

As informações são do meteorologista Marcelo Martins, do Centro de Recuros Ambientais do Estado (Ciram). Em Joinville, no extremo norte catarinense, o calor fez com que os termômetros chegassem aos 40ºC por volta das 15h. "A medição é realizada na sombra", afirmou.

O calor intenso fez com que o Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Ciram) emitisse um alerta para a formação de núcleos de instabilidade que podem trazer temporais, principalmente no litoral norte. 

Em Florianópolis, os termômetros de rua marcaram 39ºC no começo da tarde, levando muitos banhistas a procurarem as praias para se refrescarem. Quem conseguiu se dirigir aos balneários da cidade, optou por permanecer boa parte do tempo curtindo o mar. 

A praia da Armação do Pântano do Sul registrou bastante movimento durante a tarde. "Decidimos vir para cá pois o mar é mais tranquilo. Hoje é um daqueles dias para ficarmos na água o tempo inteiro", disse a servidora pública Leandra Carvalho Junqueira. "É minha última semana de férias e pretendo aproveitar o máximo possível. Depois disso, pegar praia somente aos finais de semana."

De acordo com as informações do Ciram, antes mesmo do meio-dia os termômetros marcaram 32,8°C em Florianópolis. Na madrugada, a mínima não passou dos 27ºC. "As madrugadas e noites estão muito quentes e temos poucos momentos do dia em que os termômetros registram temperaturas abaixo dos 30°C", disse Martins.

A onda de calor já havia elevado os termômetros na terça-feira, até então o dia mais quente de 2014. Em Criciúma, cidade localizada a cerca de 190 quilômetros ao sul da capital, a temperatura na estação meteorológica do Ciram era de 38,3°C. 

Segundo o meteorologista, até a próxima sexta-feira estes valores devem ser superados. Não está descartada a possibilidade de novas quebras de recorde para o mês. "A diferença é que, a partir desta quinta, pancadas de chuva típicas do verão, com descargas elétricas, rajadas de vento e granizo devem ocorrer no final do dia", afirmou.

Tags: calor, praias, Previsão, sol, Tempo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.