Jornal do Brasil

Domingo, 20 de Abril de 2014

País

Mais de mil brasileiros vivem atualmente como refugiados no mundo

Portal Terra

Ao todo 1.207 brasileiros vivem atualmente como refugiados no mundo, segundo levantamento da Acnur (Agência da ONU para Refugiados), publicado no jornal Folha de S. Paulo deste domingo. 

Os Estados Unidos são o país com maior número de casos, com 679 (e 110 aguardando resposta a seus pedidos). Em seguida, aparecem o Canadá, com 175 (mais 73 à espera), e a Alemanha, com 163 (3).  

A publicação define o total como minúsculo quando comparado ao número de refugiados de países que passam por graves crises humanitárias ou guerras civis, como Afeganistão (2,5 milhões) e Síria (1,9 milhão). 

Segundo a Convenção de Genebra da ONU, enquadram-se nessa condição pessoas que temem, com fundamento, perseguição por motivos de raça, religião, nacionalidade ou opinião política, e que não possam voltar para casa. Parte-se do pressuposto de que o país de origem não tenha condições de proteger a pessoa. 

Segundo Kristina Gasson, advogada especializada em refúgio nos Estados Unidos, os principais motivos apresentados pelos brasileiros são violência policial, ameaça de traficantes de drogas, discriminação racial (sofrida por negros) e ameaças a ativistas ambientais da Amazônia.

Tags: asilo, brasileiros, exterior, fuga, violência

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.