Jornal do Brasil

Domingo, 26 de Outubro de 2014

País

SP: Defesa Civil decreta calamidade pública em Itaóca

Portal Terra

A Defesa Civil do Estado de São Paulo decretou na manhã desta quarta-feira que Itaóca está em estado de calamidade pública. 12 mortes foram confirmadas e o número de desaparecidos não foi divulgado.  Até esta manhã 20 pessoas foram abrigadas na Escola Municipal Elias Lages de Magalhães. 

Durante a sua visita o governador Geraldo Alckmin se manifestou."Houve uma chuva de 200 mm, localizada.Não foi nem na cidade, foi na serra.Então, o deslizamento da serra moveu árvores, que vieram com as águas.Quando chegou à cidade, a ponte foi quase que um dique, que causou todo este problema", disse."A ponte era antiga, com muitas pilastras, o que formou um dique, e o rio saiu do leito, formando outro rio do lado, que levou as casas.Então, a ponte terá que ser refeita, e nós vamos refazê-la com concreto armado, mais alta e com arco, sem nenhum pilar."

Relembre o caso 

A Defesa Civil de São Paulo informou, na tarde desta terça-feira, que subiu para 12 o número de mortos por conta da chuva na cidade de Itaóca, na região do Vale do Ribeira, interior de São Paulo.  Dados preliminares apontam que 83 famílias - cerca de 332 pessoas - continuam desalojadas no município. Nove pessoas foram abrigadas na Escola Municipal Elias Lages de Magalhães. A Defesa Civil confirmou a existência de pessoas desaparecidas, mas não confirmou o número.

A força tarefa do Corpo de Bombeiros foi acionada para dar suporte às ações de resgate. Ao todo, 15 bombeiros, quatro cães farejadores e cinco viaturas participam da ação. A Polícia Militar disponibilizou ainda uma aeronave do Grupamento Aéreo para auxiliar no reconhecimento e acesso a bairros isolados na cidade.

A prefeitura divulgou os números das contas bancárias do Fundo Social de Itaóca (Banco Bradesco, agência é a 2027-3 e conta 1003321-7), e da conta SOS Itáoca (Banco do Brasil, agência: 3637-4 e conta 100000-4) para realização de doações às vítimas da ocorrência.

Tags: chuva, deslizamento, estrago, itaoca, morte

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.