Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

País

Detentos do Maranhão serão transferidos para presídios federais

Portal Terra

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney, decidiu aceitar o auxílio oferecido pelo Ministério da Justiça e irá transferir os principais presos do complexo penitenciário de Pedrinhas para presídios federais. Ao todo, foram ofertadas 25 vagas nessas unidades prisionais. O governo irá transferir os principais líderes de facções criminosas do complexo. 

No total, 16 pessoas já foram presas, acusadas de participar dos atentados ocorridos na última sexta-feira (3). "Estamos analisando quem e quantos vamos mandar para outros presídios. Até amanhã fecharemos a lista. Tudo isso começa a ser encaminhado hoje. Para eles serem transferidos, é necessário o posicionamento do juiz da Vara de Execuções Penais", afirmou o secretário estadual de segurança, Aluísio Mendes. 

A intervenção federal foi defendida pelo juiz Douglas Martins, diretor do Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), após a vistoria realizada em dezembro do ano passado. Ele apontou que existe uma espécie de “pena de morte” imposta por líderes de facções a presos de baixa periculosidade, condenados por crimes simples e a penas leves.

Ainda no domingo (5), o Ministério da Justiça ofereceu ajuda ao Maranhão. A resposta foi obtida hoje.

Tags: crise, intervenção, Maranhão, prisional, Sistema

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.