Jornal do Brasil

Sexta-feira, 18 de Abril de 2014

País

SP: Infraero prevê aumento de 8% no número de passageiros em Congonhas

Portal Terra

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) informou que espera mais de 847 mil embarques e desembarques no período de 20 de dezembro de 2013 a 6 de janeiro de 2014 no aeroporto de Congonhas, em São Paulo. De acordo com o órgão, o número é 8% mais alto quando comparado ao mesmo período do ano passado, quando cerca de 785 mil pessoas estiveram no aeroporto da capital paulista.

Neste período, a Infraero destaca três dias em que devem ser registrados picos de embarques e desembarques. Dois deles já ocorreram, nos dias 20 e 23 de dezembro. Já a terceira data será em 6 de janeiro de 2014, quando a maioria dos paulistanos deve voltar ao trabalho na capital. Nos dois dias destacados pela Infraero, a movimentação chegou a 58 mil passageiros por dia, sendo que em um dia normal a média é de 46 mil.

Nesta sexta-feira, data em que muitos paulistanos deixam a cidade para aproveitar o Réveillon, o movimento no aeroporto de Congonhas é intenso e a Infraero espera 50 mil embarques e desembarques até 23h. Segundo a empresa, até as 11h, das 74 partidas houve apenas dois cinco e dois cancelamentos.

Apesar do alto fluxo de passageiros, no balcão da empresa Gol, uma das mais procuradas do aeroporto, o clima era de tranquilidade. O bancário Eduardo Longo, 38 anos, afirmou que ficou apenas 10 minutos na fila do check-in. “Foi bem tranquilo, mas já estou acostumado com a falta de informação e outros problemas típicos do aeroporto”.

O check-in online é cada vez mais comum entre os passageiros e ajuda a agilizar as filas nos aeroportos. Esdras Dores, 45 anos, adotou o modo mais rápido de check-in e disse ter estranhado o movimento no aeroporto paulistano. “Está muito tranquilo. Fiquei apenas 10 minutos na fila. Estou achando até estranho”, brincou.

Tags: aeroporto, desembarques, embarques, reveillon, tranquilo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.