Jornal do Brasil

Quinta-feira, 17 de Abril de 2014

País

Chuva obriga mais de 46 mil pessoas a deixar suas casas no ES

 Temporais provocaram a morte de oito pessoas e deixaram outras 49 feridas

Portal Terra

Passa de 46 mil o número de pessoas que tiveram de deixar suas casas em decorrência dos temporais que atingem o Espírito Santo nas últimas semanas. Segundo o boletim mais recente divulgado pela Defesa Civil estadual, 41.520 pessoas estão desalojadas (levadas para casas de parentes e amigos) e outras 4.669 estão desabrigadas (levadas a abrigos municipais). 

Até o momento, as chuvas já provocaram oito mortes e deixaram 49 feridos. Há alerta de mais chuvas e a situação mais preocupante é na região serrana do estado.

Segundo a Defesa Civil, as mortes ocorreram nos municípios de Colatina, Nova Venécia, Baixo Guandu, Piraju e Itaguaçu - sendo que o último registrou dois óbitos. Além destes, outros 42 municípios foram afetados pela enxurrada, dos quais 22 decretaram situação de emergência ou estado de calamidade pública. O próprio governo estadual decretou situação de emergência em todas as áreas afetadas por desastres decorrentes das últimas chuvas.

A Secretaria Nacional de Defesa Civil mantém alerta de risco de inundação e deslizamento de terra na região serrana e de alagamentos em Linhares e Colatina. O alerta se deve ao fato de o rio Doce estar com nível de água acima da taxa de inundação. Os coordenadores de Defesa Civil dos municípios foram informados acerca dos procedimentos de avaliação contínua dessas áreas que, caso necessário, devem ser evacuadas imediatamente.

Tags: chuvas, desabrigados, ES, feridos, mortes

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.