Jornal do Brasil

Quinta-feira, 24 de Abril de 2014

País

BA: homem é preso depois de matar bebê e esfaquear sobrinhas e seu pai

Portal Terra

Um homem foi preso na manhã desta sexta-feira, em Barras (BA), depois de matar um bebê de 1 mês e 3 dias de vida, e ferir com facadas duas sobrinhas e seu próprio pai, na rua 23 de Agosto, no bairro Alto de Santa Cruz. 

De acordo com o delegado Mirosvaldo Santos Menezes, responsável pela apuração do caso, Jeanes Rodrigues da Silva, 21 anos, invadiu a casa das vítimas por volta das 5h, depois de beber conhaque e usar cocaína e maconha. “Ele destelhou a casa e entrou por cima. (...) Estava todo mundo dormindo, pegou (as vítimas) de surpresa. O bebê estava entre a mãe e a tia”, disse o delegado.

De acordo com a polícia, depois de invadir a casa das vítimas, o suspeito agrediu a criança com pauladas e então atacou os três adultos - que não tiveram as identidades reveladas - com uma peixeira.  “Depois de matar a criança, ele ainda jogou o corpo por cima de um muro. O encontramos na casa de uma vizinha”, disse o delegado. 

Após as agressões, Jeanes escondeu sob o telhado a faca usada no crime e fugiu. Ele foi preso ainda próximo ao local do crime. Após prender o suspeito a polícia localizou o instrumento, junto de outro facão.  

O delegado afirmou que a motivação do crime ainda não foi esclarecida. “Não tem uma motivação específica. Foi fútil. Ele tinha ciúmes da mãe do bebê e, depois que a criança nasceu, filha de uma outra pessoa, isso se agravou”, disse. 

Preso, Jeanes não confessou a autoria do crime em seu depoimento à polícia. Ele foi indiciado por homicídio qualificado e três tentativas de homicídio.

O suspeito teve que ser transferido da delegacia de Barras depois que cerca de 200 pessoas cercaram o local para tentar linchá-lo. O local para onde Jeanes foi encaminhado não foi informado, por questão de segurança. 

Os feridos foram encaminhados ao hospital São Rafael. Eles estão internados em estado grave, mas foram estabilizados e não correm risco de morrer, de acordo como o hospital. 

Tags: Bahia, feridos, morte, polícia, prisão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.