Jornal do Brasil

Domingo, 20 de Abril de 2014

País

Operação prende 8 em SC e SP por envio ilegal de dinheiro ao exterior

Portal Terra

Pelo menos oito pessoas - quatro em Santa Catarina e quatro em São Paulo - foram presas nesta terça-feira durante a Operação Tétis. Outras duas são consideradas foragidas. A ação conjunta entre a Polícia Federal (PF) e a Receita Federal busca combater uma organização criminosa especializada em remeter ilegalmente dinheiro para o exterior. 

A investigação começou há pouco mais de sete meses. Os detidos são suspeitos de cometer os crimes de evasão de divisas, fraudes cambiais e lavagem de dinheiro, entre outros. Ao todo, foram expedidos 10 mandados de prisão preventiva e 13 mandados de busca e apreensão, nos municípios de Florianópolis e São José, em Santa Catarina, e São Paulo, Santos e Caraguatatuba, no Estado de São Paulo.

A operação contou com 75 policiais federais e 23 auditores e técnicos da Receita. Segundo a polícia, a organização era formadao por empresas de fachada supostamente atuantes no ramo de comércio exterior e, sob argumento de estar pagando importações - que, na realidade, nunca foram feitas - firmava contratos de câmbios com instituições financeiras para promover a saída de dinheiro do Brasil. O dinheiro era remetido para paraísos fiscais, como o Panamá, além de países como China e Coréia, sempre mediante apresentação de documentos falsos.

De acordo com a investigação, entre 2012 e 2013, mais de R$ 100 milhões foram remetidos ao exterior por meio do esquema fraudulento, que envolvia a utilização de duas empresas de fachada instaladas na grande Florianópolis. Também foi decretado o sequestro de bens imóveis situados em três Estados e o bloqueio de diversas contas bancárias. A PF apreendeu ainda veículos, vários deles de luxo, de envolvidos no esquema. 

Segundo a polícia, o nome da operação faz referência à personagem Tétis da mitologia grega, que teria mergulhado o filho Aquiles nas águas de um grande lago mágico, segurando-o pelo calcanhar, com o objetivo de torná-lo indestrutível. Esse banho o tornou invulnerável em todas as partes do corpo, menos no calcanhar por onde Tétis o segurou. Sabendo desse segredo, um inimigo de Aquiles atirou uma flecha contra o seu único ponto fraco, acarretando sua morte.

Tags: ação, crime, federal, polícia, receita

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.