Jornal do Brasil

Sexta-feira, 26 de Maio de 2017

País

MPF denuncia Daniel Dantas por lavagem de dinheiro

Jornal do Brasil

Portal Terra

SÃO PAULO - O Ministério Público Federal (MPF) em São Paulo denunciou à 6ª Vara Federal Criminal o banqueiro Daniel Dantas, controlador do grupo Opportunity, pelos crimes de lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta de instituição financeira, evasão de divisas e crime de quadrilha e organização criminosa. Dantas foi preso por duas vezes no desdobramento da Operação Satiagraha, da Polícia Federal, iniciada em 8 de julho de 2008, e conseguiu ser libertado após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com informações do MPF, entre os crimes descritos na denúncia consta como o Opportunity, quando o grupo estava no comando da Brasil Telecom, financiou o chamado "valerioduto" - nome dado ao esquema que teria sido comandado pelo empresário Marcos Valério Fernandes de Souza para operar o chamado mensalão, suposto pagamento de propina a parlamentares em troca de apoio político ao governo.

O MPF confirmou a entrega da denúncia na madrugada desta segunda-feira e informou que, ao longo do dia, deve fornecer mais detalhes sobre o caso.

De acordo com reportagem do jornal Folha de S.Paulo do último sábado, a denúncia foi entregue à Justiça na sexta-feira. O juiz federal responsável pelo caso, Fausto Martin De Sanctis, deve decidir se acolhe ou não a denúncia. Segundo o jornal, a denúncia entregue na sexta-feira se refere ao chamado "inquérito-mãe", que trata dos supostos crimes de gestão fraudulenta e contra o sistema financeiro.

Em um segundo inquérito, Dantas foi denunciado no ano passado. O banqueiro foi condenado a dez anos de reclusão pelo juiz da 6ª Vara, Fausto De Sanctis, por suposta corrupção ativa. Dantas recorreu da sentença.

Compartilhe: