Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Dezembro de 2014

País - Opinião

A hipocrisia

Jornal do Brasil

A hipocrisia política atormenta a cabeça do povo brasileiro. O acidente que matou o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos realmente faz com que a solidariedade humana seja indispensável. Não faz, contudo, com que seja indispensável também a hipocrisia política. O que se vê no velório do ex-governador chega a ser hilariante.

Opositores eternos de Campos, homens que fizeram campanhas violentas e ataques ferozes contra ele, no cenário nacional e no próprio estado de Pernambuco, homens que não o aceitavam como ministro do governo Lula e Dilma, hoje, estão ao lado do caixão e da família do político, como se fossem históricos amigos ou simpatizantes de Eduardo Campos. 

O sepultamento e o velório são sagrados, momentos em que têm que imperar o respeito e o sentimento.  Um tipo de solidariedade que sirva de publicidade pela imprensa ou como faturamento político é abominável.  Se a solidariedade, de arrependimento ou reconhecimento, daqueles que sempre foram seus opositores realmente tiver que acontecer, que seja na intimidade sigilosa para que possa ser respeitada.

Esses que neste momento de dor, fundamentalmente da família - mãe, filhos, mulher e verdadeiros amigos -, tentam se aproveitar merecem do povo brasileiro desprezo e nojo.

Tags: Eduardo Campos, enterro, hipocrisia, política, velório

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.