Jornal do Brasil

Quarta-feira, 20 de Agosto de 2014

País - Opinião

Violência e infraestrutura do Rio preocupam COI

Vice-presidente do Comitê criticou os preparativos para as Olimpíadas de 2016

Jornal do Brasil

O vice-presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), John Coates, reagiu como brasileiro às barbaridades feitas contra a cidade do Rio de Janeiro. Diante dos sucessivos episódios de violência e das precárias condições estruturais para receber eventos esportivos de grande porte, Coastes manifestou preocupação com a Olimpíada de 2016. A realização da Copa do Mundo na cidade também aflige a Fifa, como pontuou o diretor de comunicação da entidade, Walter Gregório.

>> Brasil virou poste do mundo

Em uma declaração sobre a realização das Olimpíadas no Rio de Janeiro, Coastes definiu o momento como “uma situação crítica”. Durante fórum olímpico em Sidney, ele disse ainda: "O COI adotou uma postura de 'mãos na massa', o que é sem precedentes (na história da entidade), mas não há plano B. Estamos indo para o Rio. Nós temos ficado muito preocupados, eles (organizadores dos Jogos) não estão prontos de muitas formas. Temos de fazer isso (o evento) acontecer e essa é a abordagem do COI, você não pode fugir disso. Acho que a situação é pior do que em Atenas. Até agora, os preparativos da capital grega haviam sido os piores que eu já vi".

Ainda sobre os preparativos para o evento, Coastes fez uma dura crítica ao governo do Rio. Ele reclamou das obras atrasadas, problemas estruturais e também do que chamou de "questões sociais que precisam ser resolvidas". Ele também disse que os cariocas estão “sendo iludidos” porque “ninguém é capaz de dar respostas neste momento”.

A realização de alguns jogos da Copa do Mundo no Rio também inquieta a Fifa. Apesar de tratar o assunto de forma mais branda, Walter Gregório adiantou que “talvez as estruturas temporárias e a estrutura para a mídia não sejam as ideais”. Ainda segundo ele, “agora não há alternativa, a Copa começa daqui a poucos dias”. 

O diretor de comunicação foi breve em comentar a Olimpíada, dizendo que “vai ser difícil concentrar todas as competições em uma cidade só”.

Tags: COI, Copa, Fifa, john coastes, olimpíadas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.