Jornal do Brasil

Quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

País - Opinião

Brasil virou poste do mundo

País recebe avalanche de críticas por causa da Copa e da Olimpíada

Jornal do Brasil

O Brasil virou poste para o mundo. Não há cachorro que passe e não aproveite a oportunidade para satisfazer suas necessidades fisiológicas.

Após o presidente da Fifa, o secretário-geral da Fifa e o presidente do COI, agora é a vez do vice-presidente do COI lançar sua artilharia. John Coates atacou a preparação do Rio para a Olimpíada, afirmando que é a pior que ele já vivenciou. Entre as principais preocupações estão a demora para a construção de estruturas olímpicas e a poluição da água nos locais das provas aquáticas. "Acho que a situação é pior do que em Atenas", disse Coates.

>> 'São as piores que já vivenciei', diz vice do COI sobre preparação do Rio

O pior é a certeza de que o negócio é muito mais importante do que a Olimpíada. Não há reclamações com relação aos negócios. Os alvos das reclamações são as obras atrasadas de arenas e estádios e, agora, a poluição.

Com referência à poluição que este senhor criticou, nós não podemos nos comparar à produzida pela necessidade de crescimento de indústrias para que bilhões de desempregados "façam a guerra". E nada pior do que a contaminação atômica que nós não temos, mas onde olimpíadas já foram realizadas. 

Nada pior ainda do que a invasão terrorista sequestrando atletas.

As autoridades do Brasil não devem mais continuar permitindo esses arroubos de ataques ao nosso país. Senão, teremos que justificar manifestações contra essas organizações.

Tags: COI, Critica, olimpíada, preparação, Rio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.