Jornal do Brasil

Sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

País - Opinião

Menor acorrentado em poste no Rio é um produto da discriminação

Jornal do Brasil

O menor acusado de roubo que foi acorrentado em um poste pelo grupo que se autointitula "justiceiros" é o produto da discriminação nojenta que o país vem assistindo, nessa radicalização em que o pobre vê cada vez mais corruptos endinheirados roubarem mais.

Se o país não tivesse dado privilégios a sonegadores, corruptos, talvez essa massa de rapazes, chamados de delinquentes, não estivessem assaltando e matando como estão.

Tags: bicicleta, pescoço, Poste, Rio, ROUBO, trança

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.