Jornal do Brasil

Quarta-feira, 30 de Julho de 2014

País - Opinião

Sérgio Cabral deixa claro que nunca deixou de ser tucano

Jornal do Brasil

O governador Sérgio Cabral fez bem ao decidir exonerar os cerca de 700 petistas que fazem parte de sua administração. Afinal, Cabral deixa claro que nunca deixou de ser tucano, mesmo após sua traumática saída do PSDB, em 1999, para ingressar no PMDB, quando rompeu com o ex-governador Marcello Alencar.

Cabral deixou de ser do PSDB, mas não esqueceu suas raízes. Que isso sirva de lição para o PT.

Agora, o ex-presidente Lula deve buscar um reparo junto a Cabral. Afinal, foi ele que negociou com o governador que os petistas ficariam até março no governo. E é por causa deste acordo com estes mesmos petistas estão, agora, passando por esta vergonha.

Tags: canral, eleição, partido, política, Rio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.