Jornal do Brasil

Quarta-feira, 17 de Dezembro de 2014

Juventude de Fé

Quaresma é tempo de conversão!

Walmyr Junior*

Para nós católicos a Quaresma é um tempo no qual Deus permite que possamos olhar para nós mesmos e a partir de nossos passos trilhar novos rumos para o céu. A tradição da Igreja afirma que esse tempo quaresmal é propício para se plantar o sacrifício para colher na pascoa a ressurreição. Esse é o fruto da quaresma!

Para que possamos viver bem esse tempo, é preciso se focar nas penitências, desafios, provações, purificações desse tempo. Isso possibilita uma nova graça: a formação de um novo coração

Segundo a história da Igreja a quaresma é designação do período de quarenta dias que antecedem aressurreição de Jesus Cristo, celebrada no domingo da Páscoa. Para isso iniciamos esse tempo litúrgicona quarta-feira de cinzas e o concluímos na quinta-feira da Santa na Missa do ‘Lava-pés’. É o tempo do roxo, cor dos paramentos litúrgicos que revestem os altares, é o tempo da caridade, do auxilio aos mais necessitados.

Nossos erros do dia a dia propiciam em nós a insegurança e nos leva a agir de forma imatura, egocêntrica, individualista, onde um centralismo exacerbado nas coisas imediata nos tira a possibilidade do dialogo com Deus e com o outro. A vivencia do sentido quaresmal nos devolve a verdadeira justiça, nos impulsiona para a felicidade e reaviva nossa intimidade com Deus, isso é a pascoa!

E qual o segredo para buscar esse novo caminho? “fazendo tudo o que Ele nos disser” como Maria nos ensina no lugar bíblico das bodas de Caná. Buscando o silencio e guardando todas as coisas em nossos corações, fazendo memória do que passou com o intuito de mudar o que virá. É a experiência de um exercício espiritual.

Uma provocação nos leva a refletir na importância desse tempo: Se a quaresma é um tempo de trilhar novos rumos, estou eu preocupado em traçar uma nova direção na minha vida? Posso eu esperar encontrar um novo rumo em meio á agitação do dia a dia? Esses novos caminhos me levam em direção ao outro? Essa direção é o caminho que de fato me faz feliz? Fica ai uma dica para iniciarmos bem a 1ª sema na quaresma através do silencio, no questionamento, na contemplação e oração!

* Walmyr Júnior Integra a Pastoral da Juventude da Arquidiocese do Rio de Janeiro. É membro do Coletivo de Juventude Negra - Enegrecer. Graduado em História pela PUC-RJ e representou a sociedade civil em encontro com o Papa Francisco no Theatro Municipal, durante a JMJ. 

Tags: a refletir, importância, leva, na, nos, provocação, uma

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.