Jornal do Brasil

Terça-feira, 29 de Julho de 2014

Esportes - JB na Copa

Marin falta a entrevista e evita anúncio de saída de Felipão

Portal Terra

Com seu nome confirmado na entrevista de balanço da Copa do Mundo de 2014, o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin, não compareceu ao evento. Coincidentemente, a ausência de Marin, que também acumula a função de presidente do Comitê Organizador Local da Copa (COL), acontece horas depois de vazar a notícia de que o técnico Luiz Felipe Scolari não permanecerá no comando da Seleção Brasileira. 

A notícia foi confirmada pelo Terra com fontes ligadas a entidade máxima do futebol brasileiro. Marin aceitou o pedido de demissão de Scolari, feito depois da derrota diante da Holanda, no último sábado. Junto com Felipão deixam a Seleção toda sua comissão técnica, incluindo o coordenador técnico Carlos Alberto Parreira. 

Outro nome que estava confirmado na entrevista realizada no Maracanã e que não compareceu foi o ex-atacante Ronaldo, um dos membros mais importantes do COL. Sem a presença dos dois, a entrevista que marcou o fim da Copa do Mundo contou com a presença do presidente da Fifa, Joseph Blatter, do secretário geral da Fifa, Jérome Valcke, do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, do CEO do COL, Ricardo Trade, além de Luis Fernandes, secretário-executivo do Ministério do Esporte.

Logo no início da entrevista, Trade tentou explicar a ausência de Marin na entrevista. "O presidente Marin não pôde aparecer, pois teve que ir para São Paulo". O presidente da CBF esteve presente na decisão da Copa do Mundo, que acabou com vitória da Alemanha sobre a Argentina, por 1 a 0, com gol na prorrogação. Marin, inclusive, ajudou a entregar as medalhas aos argentinos e alemães.

Tags: brasil, cbf, Copa, entrevista, seleção, treinador

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.