Jornal do Brasil

Segunda-feira, 20 de Outubro de 2014

Esportes - JB na Copa

Buenos Aires acorda azul e branca na manhã da final

Milhares de argentinos viajaram de última hora para o Brasil para assistir à final

Agência Brasil

Milhares de argentinos viajaram de última hora para o Brasil, para assistir à final da Copa contra a Alemanha neste domingo (13). Os que ficaram em Buenos Aires começaram a se preparar, desde cedo, para torcer nas praças públicas da cidade, onde foram instalados telões. “Eu ia ficar em casa, assistindo ao jogo com a família, porque a previsão era de chuva, mas agora que vi o sol sair vou para a praça, para ter a sensação de estar num estádio”, disse Juana Gonzalez, que saiu cedo para a padaria, para comprar o lanche da torcida.

A capital argentina amanheceu azul e branca. Em muitas esquinas, vendedores comercializavam bandeiras, chapéus, perucas e a máscara do craque Lionel Messi. Telões foram instalados pela prefeitura nas praças San Martin, no centro, e Centenário. Também há telões em frente ao Congresso e ao Obelisco, o cartão postal da cidade.

Os irmãos Herman, Michael e Henry Bustamante, filhos de argentinos, que nasceram e cresceram em Nova York, viajaram a Buenos Aires só para assistir à final. “Foram duas horas de voo de Nova York a Atlanta e outras dez até Buenos Aires. Tudo isso para ver um jogo e festejar com parentes e amigos, antes de voltar na terça-feira para Nova York”, disse Herman. Os três decidiram viajar, depois que a Argentina derrotou a Holanda na semifinal: “Avisei no trabalho que ia dar um pulo em Buenos Aires, no final de semana, e que faltaria ao trabalho na segunda e terça. Me olharam como se fosse um louco. Nos Estados Unidos ninguém e tão fanático por futebol como os argentinos e brasileiros”, disse Michael.

Desde cedo, em Buenos Aires, é possível ouvir buzinas e cornetas pelas ruas, mas apesar da animação, o torcedor argentino não esta cantando vitória antes da hora. “Começamos a Copa meio sem jeito, fomos melhorando com o tempo e temos o melhor jogador”, explicou Juan Arial, que desde cedo estava no Obelisco para assegurar um bom lugar. “Mas não podemos menosprezar o adversário, que tem uma excelente seleção. Os jogadores alemães têm um ótimo trabalho de equipe”.

A Argentina enfrentou a Alemanha seis vezes numa Copa – duas delas, em finais. A Argentina ganhou a primeira, em 1986, e perdeu a segunda, em 1990. Para muitos torcedores, chegou o momento do desempate. “Estou esperando por esse momento há 24 anos”, disse Pablo Gorrostiaga. Se a Argentina sair vitoriosa, será tricampeã. Se a Alemanha vencer, será tetracampeã.

Tags: ALEMANHA, Argentina, copa do mundo, final, Torcida

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.