Jornal do Brasil

Quarta-feira, 30 de Julho de 2014

Esportes - JB na Copa

Fifa diz não ter recebido pedido do Vaticano

Monsenhor pediu que ocorresse um minuto de silêncio pela paz

Agência ANSA

A Fifa informou que não recebeu nenhum pedido oficial do Vaticano para que seja feito um minuto de silêncio pela paz antes da final da Copa do Mundo, no próximo domingo (13), no Maracanã.

Quem lançou a ideia foi o sub-secretário do Conselho Pontifício para a cultura, Monsenhor Melchor Sanchez de Toca y Alameda. Segundo o religioso, a intenção é que seja feita uma reflexão pela paz mundial, atormentada com os constantes conflitos no Oriente Médio, África e Europa. Ele também informou a criação da campanha #PauseForPeace (Pausa pela Paz) no Facebook e no Twitter.

Já o cardeal do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta, declarou que a partida de domingo será um "jogo pela paz". "A partida será vista no Vaticano como um jogo da paz. Assim como Francisco lembrou, no esporte ninguém vence sozinho", declarou à ANSA.

Ele acrescentou que o esporte é exemplo para o mundo. "A vida também é dessa maneira, onde você precisa estar junto para superar os problemas da sociedade de hoje. Os dois papas torcerão juntos para que a final sirva de exemplo que é preciso estar sempre unidos, preparar-se bem e ajudar a todos para vencer as dificuldade e oferecer ao mundo sempre mais paz e fraternidade", finalizou Dom Orani.

O confronto final do Mundial colocará de lados opostos os dois Pontífices: Francisco é argentino e apaixonado por futebol, já o papa emérito Bento XVI é alemão. (ANSA) 

Tags: Copa, Fifa, maracanã, Mundial, vaticano

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.