Jornal do Brasil

Quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

Esportes - JB na Copa

Movimento de torcedores é intenso nas estradas para ver a final da Copa

Agência Brasil

Com a vitória da seleção argentina ontem (9), no Itaquerão, em São Paulo, muitos hermanos começam a se deslocar em direção ao Rio de Janeiro, onde ocorrerá a final da Copa do Mundo, no Estádio do Maracanã, contra a Alemanha, no próximo domingo (13), às 16h. Durante toda a manhã de hoje (10) e início da tarde, cerca de 100 carros de passeio e vans com torcedores estrangeiros passaram pela Rodovia Presidente Dutra, que liga São Paulo ao Rio, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Para recepcionar os turistas, 15 viaturas e oito motocicletas da PRF estão dispostas na praça de pedágio mais próxima ao Rio de Janeiro. De acordo com a polícia, os atendimentos são para esclarecer qualquer necessidade e dar orientações geográficas aos torcedores que tiverem dificuldade para encontrar o caminho certo para a capital. Em caso de necessidade, a PRF avalia a possibilidade de acompanhamento dos torcedores.

Motociclistas batedores da PRF também estão escalados para atuação conjunta com outras forças - como Polícia Militar, Polícia Federal e Exército - para escoltar as autoridades estrangeiras, dentre as quais dez chefes de Estado e de governo já confirmaram presença no Maracanã para assistir à final da Copa do Mundo. Caso de Vladimir Putin, da Rússia; Jacob Zuma, da África do Sul; e da chanceler alemã, Angela Merkel.

A movimentação de argentinos e brasileiros no Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo, em busca de passagens para o Rio, é intensa. Uma das principais empresas de ônibus que faz o transporte entre as duas capitais disponibilizou até o momento 20 veículos extras para sair ainda hoje. Segundo a empresa, a maior parte dos ônibus está partindo de São Paulo com 95% dos assentos ocupados, e o movimento registrado hoje é 50% maior em relação a outras quintas-feiras. A expectativa é que o movimento de passageiros aumente ainda mais amanhã (11).

No dia da final, os torcedores que optarem por chegar ao Estádio do Maracanã de metrô, terão gratuidade na passagem seis horas antes do início da partida. O tempo de gratuidade foi estendido por causa do show de encerramento, que ocorrerá antes do início do jogo. A passagem de metrô será gratuita também a partir de duas horas depois da cerimônia de premiação do vencedor do Mundial.

Para o jogo, os intervalos adotados entre as composições será os de horários de pico - de quatro minutos e meio. As transferências entre as linhas 1 e 2 serão mantidas, e a orientação dada aos torcedores é para priorizarem o desembarque nas estações Maracanã, São Cristóvão e São Francisco Xavier, de acordo com os portões de entrada para cada setor do estádio. Para eventuais necessidades, trens extras estarão posicionados para atender aos 78 mil torcedores que irão acompanhar a partida no Maracanã.

 

Tags: 2014, brasil, fluxo, Mundial, rodovias

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.