Jornal do Brasil

Sexta-feira, 1 de Agosto de 2014

Esportes - JB na Copa

Van Gaal ignora duelo com Brasil: "nunca deveria ser jogado"

Portal Terra

Eliminado na semifinal da Copa do Mundo nos pênaltis pela Argentina, o técnico holandês Louis van Gaal não mostrou nem um pouco de empolgação para a disputa do terceiro lugar contra o Brasil, no próximo sábado, em Brasília. Para o comandante da seleção laranja, a partida entre os dois perdedores das semifinais é algo que nunca deveria existir, já que o único prêmio da competição é a taça dada ao campeão.

"Esse jogo nunca deveria ser jogado, digo isso há 10 anos, mas vamos ter que jogar. É injusto também, porque temos um dia a menos para nos recuperarmos em relação ao adversário, não há fair play. Mas o pior de tudo é que provavelmente é que você tem a possibilidade de perder duas vezes seguidas, e em um torneio em que você jogou de forma maravilhosa você pode ir para casa como perdedor. Não se deveria ter que passar por isso, porque só há um prêmio", criticou Van Gaal.

O treinador também foi sucinto ao ser questionado sobre a mentalidade com que o Brasil deve entrar em campo após a derrota acachapante por 7 a 1 diante da Alemanha na última terça. Para Van Gaal, o modo como se perde não tem importância – de qualquer maneira, o objetivo final não foi alcançado.

"Para mim, perder por 7 a 1 é a mesma coisa que perder nos pênaltis", resumiu o holandês, que deixará a seleção para treinar o Manchester United na próxima temporada europeia. Apesar de ter levado a equipe mais longe do que os próprios torcedores do país esperavam, ele afirmou que vai deixar a Copa com o amargo sabor de ficar fora da decisão no Maracanã, neste domingo.

"Neste momento o que sinto é decepção, é terrível perder nos pênaltis. Pelo menos nós estávamos jogando de uma forma equilibrada, ou até um pouco melhor que a Argentina. Então é uma grande decepção, como já disse antes. Acho que não tenho que ficar repetindo", disse um mal-humorado Van Gaal.

Tags: Argentina, Copa, derrota, holandeses, Mundo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.