Jornal do Brasil

Quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

Esportes - JB na Copa

Estrangeiros escolhem bares e ruas da Vila Madalena para torcer na Copa

Agência Brasil

Os bares do bairro boêmio, na Vila Madalena, foi, mais uma vez, o local escolhido por torcedores brasileiros e estrangeiros para assistir aos jogos de hoje (4) pelas quartas de final da Copa do Mundo. Pelo menos uma hora antes do início do primeiro jogo, entre França e Alemanha, os lugares nos bares já eram disputados. Muitos optaram por ficar nas ruas onde a animação também não é menor.

A francesa Mathilde Le Dorle, de 22 anos, chegou a São Paulo no último sábado (28) depois de passar pelo Rio de Janeiro. “Meu irmão vive e trabalha em São Paulo e vim visitá-lo aproveitando o período da Copa. Na Vila Madalena, é a primeira vez. Vim para aproveitar a animação e conhecer pessoas”.

No Brasil, há duas semanas, a israelense Katy Safronchik, 35 anos, está na capital paulista há dois dias e já passou pelo Rio de Janeiro e por Foz do Iguaçu (PR). Torcendo para a Alemanha, ela disse ter gostado da cidade mais do que do Rio de Janeiro. “Lá, tudo está relacionado à Copa e aqui em São Paulo as coisas são mais espalhadas, é uma cidade com mais opções”. Ela, que partirá para Israel em dois dias, contou que conheceu mais turistas estrangeiros. “Poucos brasileiros falam inglês”.

Já a brasileira Aline Maurício, 28 anos, chegou cedo para garantir uma mesa em um dos bares. “Vim em todos os jogos desde o começo. Gosto de vir aqui pela bagunça, para conhecer gente nova e olhar os estrangeiros que são muito bonitos”. Ela garantiu que estará presente até a final, mesmo que o Brasil não dispute a partida.

Para facilitar a circulação dos torcedores pela Vila Madalena, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) manteve os bloqueios operacionais conforme o calendário de jogos da Copa do Mundo. Os nove bloqueios fixos valeram a partir das 10h. Em algumas ruas do entorno, também está proibido estacionar o carro.

Moradores das ruas interditadas são os únicos que podem passar pelos bloqueios com seus veículos. As vias só serão liberadas quando o público estiver reduzido ao ponto de não causar mais conflito entre pedestres e veículos. A operação da CET é feita em conjunto com a Polícia Militar, subprefeitura e outros órgãos.

Tags: boemia, Copa, Mundo, SP, torcidas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.