Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

Esportes - JB na Copa

Italiano que invadiu campo terá que deixar o Brasil

Agência ANSA

Após entrar no gramado da Arena Fonte Nova durante a partida entre Bélgica e Estados Unidos pelas oitavas de final da Copa do Mundo, o italiano Mario Ferri terá que deixar o Brasil. A Polícia Federal notificou o invasor para ele sair do país em no máximo três dias, ou será preso e deportado.    

Conhecido como "Falcão", o homem de 27 anos é famoso por suas diversas incursões em campos da Itália e de outras nações e já chegou até a ser detido por conta disso. Ele invadiu o gramado da Fonte Nova vestindo uma camiseta azul com o símbolo do super-homem e as frases "Salvem as crianças da favela" (escrita em inglês) e "Ciro vive", esta última em homenagem ao torcedor do Napoli Ciro Esposito, que morreu após ser baleado em uma briga nos arredores do Estádio Olímpico de Roma.    Em uma mensagem de texto enviada a um jornalista da ANSA, Ferri contou que a ação foi dedicada ao "sofrido povo brasileiro e ao falecimento prematuro de um rapaz inocente". 

Natural de Montesilvano, região central da Itália, Falcão também afirmou que entrou na arena como fotógrafo e que tinha credencial. Segundo o italiano, ele está no Brasil para fazer uma reportagem e aproveitou para realizar a invasão.    

No entanto, uma câmera do canal Sportv mostrou o momento em que Ferri se levanta de uma cadeira de rodas em um setor para deficientes físicos e entra no gramado.

Tags: Copa, estádio, invasão, italiano, Mundo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.