Jornal do Brasil

Sábado, 20 de Dezembro de 2014

Esportes - JB na Copa

Mexicanos lamentam erro de capitão e "pesadelo de sempre"

Portal Terra

A sexta eliminação consecutiva do México nas oitavas de final da Copa, desta vez com requintes cruéis já que com dois gols nos últimos minutos a Holanda virou e avançou às quartas, foi bastante lamentada na imprensa do país. Jornais mexicanos estamparam manchetes e textos que misturavam a decepção e o conformismo por mais uma queda na fase – o pênalti cometido pelo capitão Rafa Márquez também foi crucificado.

O periódico Central Deportiva estampou o sentimento do país: “o mesmo pesadelo de sempre”. A sensação também é passada pela publicação La Aflición: “os mesmos fantasmas de sempre”, citou o jornal, que lembra que a seleção da América do Norte ficou “a três minutos de conseguir um avanço histórico”.

Com palavras fortes, o site Cancha é ainda mais incisivo na revolta. “Outra vez nas malditas oitavas”, escreveu a publicação. O jornal ainda comentou que a queda foi “com a mesma pedra” e lamentou: “destroçam o sonho mexicano em quatro minutos”.

O periódico El Universal, por sua vez, preferiu criticar o erro de Rafa Márquez, que aos 47min do segundo tempo cometeu pênalti em Robben que deu a oportunidade dos holandeses virarem o confronto: “grave erro do capitão Rafa Márquez ao cometer pênalti termina com o sonho”.

Já o jornal Cronica cita a “maldição das oitavas de final”. Os requintes de drama também causam chagas: “México foi expulso do Brasil 2014 de forma cruel”. Mesmo assim, a atuação da seleção é elogiada e o periódico diz que a equipe “abandona o Mundial com dignidade, mas abatida pelas circunstâncias”. 

Tags: Copa, eliminação, jornais, mexicanos, Mundo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.