Jornal do Brasil

Quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

Esportes - JB na Copa

Ambulantes e "sem ingressos" circulam na porta do Castelão

Portal Terra

Assim como aconteceu na partida entre Uruguai e Costa Rica, os ambulantes fazem a festa perto de uma das portas de entrada da Arena Castelão. Nos 30 minutos em que a equipe do Terra ficou no local, foi possível encontrar dez comerciantes não credenciados pela Fifa vendendo água e cerveja que não são das patrocinadoras oficiais da Copa do Mundo.

A prática não é permitida, já que na área cercada apenas para pessoas com ingresso só é permitida a venda de produtos ligados aos patrocinadores. Como dentro do estádio, os torcedores pagam R$ 10 por uma lata de cerveja e os ambulantes vendem de uma marca concorrente a R$ 4, mexicanos e brasileiros optam por beber do lado de fora da arena do que entrar na arquibancada. 

A garrafa de água, que custa R$ 5 no estádio e R$ 2 do lado de fora, tem sido bastante procurada por conta do forte calor. A fiscalização é complicada pela proximidade com residências de baixo custo que tem no entorno da Arena Castelão. Assim como os ambulantes circulam normalmente, o mesmo acontece com torcedores que ainda não tem ingresso e procuram por uma entrada da partida. 

Com cartazes ou apenas no boca-a-boca, eles tentam nos últimos minutos arranjar uma forma de entrar no estádio. Na partida de abertura entre Brasil x Croácia, tanto ambulantes como pessoas sem ingresso não podiam entrar em uma região de cerca de 2 km de distância do estádio. No duelo, foi visto apenas ambulantes credenciados vendendo produtos oficiais pelo preço tabelado.

Se a fiscalização de ambulantes segue falha, a reportagem do Terra, porém, não constatou dessa vez a prática da venda ilegal de ingressos como aconteceu no duelo entre Uruguai e Costa Rica. No duelo do último sábado, alguns americanos e uruguaios tentavam revender ingressos na porta do estádio, próximo a uma viatura policial

Tags: ambulantes, Copa, Fortaleza, Mundo, vendedores

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.