Jornal do Brasil

Quinta-feira, 24 de Julho de 2014

Esportes - JB na Copa

'NYT': Onde a desonestidade é a melhor política, futebol dos EUA fica atrás

Jornal norte-americano afirma que é necessário trapacear para ir bem no esporte

Jornal do Brasil

O jornal norte-americano New York Times publicou uma matéria neste domingo (15) afirmando que trapacear faz parte do futebol, como quando os jogadores fingem faltas. Segundo o autor, os jogadores norte-americanos não sabem fazer isso, e, dessa forma, não conseguem sucesso no esporte.

A reportagem defende que a tendência de desonestidade nos jogos importa, particularmente na Copa do Mundo, onde uma única decisão pode ser muito relevante. O texto usa como exemplo o caso de Fred, que durante o jogo com a Croácia, se jogou no gramado e gritou "histericamente" para fingir um pênalti. 

Reportagem do 'NYT' cita 'trapaças' no futebol
Reportagem do 'NYT' cita 'trapaças' no futebol

Kyle Martino, ex-jogador da liga de futebol dos Estados Unidos, afirmou ao jornalista: "Você pode odiar o Fred, você pode dizer que ele está trapaceando, mas talvez o Brasil passe para a próxima fase por causa daquela decisão. Então, se você é do time dos EUA, em que momento você diz: 'Se você não consegue superá-los, junte-se a eles?'".

A matéria é concluída destacando que os melhores atacantes do mundo, como Cristiano Ronaldo e Luis Suárez, caem no chão regularmente, principalmente quando sentem que perderão a posse da bola. "E por que não? Se funcionar, eles conseguem uma falta. Se não, eles já teriam que dar a bola de qualquer jeito", finaliza o repórter.

Tags: Copa, Estados Unidos, faltas, futebol, trapaça

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.