Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

Esportes - JB na Copa

Uruguai estreia neste sábado e torcedores relembram derrota de 1950

A seleção celeste enfrenta a Costa Rica na estreia do 'Grupo da Morte'

Portal TerraAnderson Régio e Celso Paiva

Torcedor uruguaio fantasiado de fantasma acredita que Brasil respeita a seleção celeste mais que outros rivais. A seleção uruguaia entra em campo neste sábado (14), na estréia do grupo D. A celeste do técnico Óscar Tabárez enfrenta a partir das 16h, em Fortaleza, a Costa Rica.

>>Acompanhe o Minuto a Minuto do Jogo

 No considerado "grupo da morte" - por conter três campeões mundiais (Itália, Uruguai e Inglaterra) -, o Uruguai vê o jogo como decisivo, pois pretende sair na frente na pontuação.

O Fantasma da Copa de 50

Desde o início da preparação da Seleção Brasileira, a comissão técnica tentou dissuadir a ideia de que o grupo atual tinha que se preocupar com o trauma da derrota da Copa de 1950, contra o Uruguai. Para isso, o técnico Luiz Felipe Scolari usou até a psicóloga Regina Brandão para orientar os jogadores. Mas para os torcedores uruguaios, aquela vitória no Maracanã há 64 anos ainda está viva. 

Torcedor uruguaio vestido de Fanstasma da Copa de 50
Torcedor uruguaio vestido de Fanstasma da Copa de 50

Tanto é que o comerciante Pablo Ariano se fantasiou de "fantasma" para lembrar aquela partida, que ficou conhecida como Maracanazzo. "São dois fantasmas: na frente o atual, de 2014. E atrás o histórico, que é o de 50", disse o uruguaio, mostrando os número estampados em um lençol azul celeste. "O lindo é isso, se ganha ou perde, o que vale são as brincadeiras. Se não desfruta essas coisas na Copa, não se diverte".

O torcedor uruguaio que chegou vestido com a fantasia para a estreia da seleção celeste na Copa do Mundo, contra a Costa Rica, na Arena Castelão, em Fortaleza, disse que sente que os brasileiros temem reencontrar a rival sul-americana durante esta edição do Mundial.

"Se você olhar, onde vendem bandeiras tem de todas as seleções menos as do Uruguai. Os brasileiros não querem ter pela frente a celeste. Não querem enfrentar Uruguai. Não acho que é medo, é respeito".

Pablo Ariano não concorda com a opinião dos críticos de que o Uruguai, quarto colocado na Copa do Mundo de 2010, chega com uma equipe velha para o torneio no Brasil. "Creio que tem experiência e é futebol, está dentro das seis seleções que podem ganhar o Mundial ou ir embora na primeira rodada. Brasil, Argentina, Argentina, Alemanha e Uruguai são os favoritos na minha opinião".

Mesmo com um sol escaldante em Fortaleza e com temperaturas na casa dos 30º C, o torcedor uruguaio, com o corpo todo coberto pelo lençol, disse que não estava sofrendo com o clima quente. "Não estou sofrendo com o calor não, até protege".

Lado oposto

Diferente da opinião do uruguaio, o que se viu na entrada da Arena Castelão eram diversos torcedores brasileiros apoiando a equipe celeste, com bandeiras e rostos pintados. Um torcedor de Ceará, inclusive, chamou a atenção por carregar uma faixa escrita: "Avante Uruguai, o Brasil te espera para revanche". O cartaz agradou torcedores uruguaios que várias vezes o pararam para tirar fotos com a faixa.

*Com informações da Agência Ansa

Tags: copa do mundo, Costa Rica, estreia, fantasma de 1950, uruguai

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.