Jornal do Brasil

Quarta-feira, 23 de Maio de 2018 Fundado em 1891
Jazz

Colunistas - Jazz

Andy Sheppard, um "músico para músicos"

Jornal do Brasil Luiz Orlando Carneiro

O saxofonista britânico Andy Sheppard, 61 anos, é bem conhecido e respeitado pelos seus colegas músicos e pela crítica especializada naquela condição que se costuma chamar de musician for musicians. Ou seja, como jazzman, pertence ao “primeiro escalão”, embora esteja longe de ser tão famoso como, por exemplo, a veterana jazzwoman Carla Bley – sua admiradora e principal patroa desde 1988 (Cf. LP Fleur Carnivore, Watts-ECM).

Sob a liderança da compositora-arranjadora-pianista, o saxofonista (tenor/soprano) destacou-se especialmente nos seguintes CDs gravados para a etiqueta Watt, e distribuídos pela ECM: Songs with Legs, 1994, em trio com Steve Swallow (baixo); The Lost Chords, 2003, quarteto com Swallow e Billy Drummond (bateria); The Lost Chords Find Paolo Fresu, 2007, o mesmo quarteto mais o trompetista italiano; Appearing Nightly, 2006, com a big band de Carla Bley.

Saxofonista britânico lança álbum Romaria (ECM), à frente de quarteto multinacional

Já como líder, Sheppard registrou, em 2008, na ECM, o álbum Movements in colour, num quinteto tipo world music, ao lado de jazzmen europeus e de um percussionista de ascendência indiana. Quatro anos depois, o refinado selo de Manfred Eicher lançou o Trio Libero, formado pelo saxofonista com o franco-argelino Michel Benita (baixo) e o escocês Sebastian Rochford (bateria). O trio virou quarteto em Surrounded by Sea(2015), com a adição do guitarrista norueguês Eivind Aarset.

Este último combo está de nova nas lojas e plataformas virtuais (sempre pela ECM) numa seleção de oito peças, todas de autoria do líder, com exceção da faixa-título do álbum, Romaria (5m10) – aquele clássico da música popular brasileira de Renato Teixeira, da década de 1970, e que virou hit na voz de Elis Regina. O novo CD foi gravado, em abril do ano passado, em Lugano (Suíça), no auditório-sede da Orchestra della Svizzera Italiana.

O sempre melódico saxofonista, mais “impressionista” do que “expressionista”, dá preferência ao tenor e à meditação musical não só em Romaria – tocada em “feitio de oração” - como também nas contemplativasAnd a day (8m05), With every flower that falls (5m55) e Forever (6m40). O sax tenor de Sheppard – com fogo brando fornecido por Benita, Rochford e Aarset – esquenta um pouco em Pop (4m20) e All becomes again (7m05). O jazzman inglês sopra o sax soprano na soturna They came from the North (5m55) e, em contraste, na extrovertida e dançante Thirteen (4m50).

Andy Sheppard definiu este seu novo disco como “um mood capturado no tempo”, acrescentando que “os álbuns deviam ser ouvidos como um todo, apreciados em sua inteireza como se fossem livros”.

(Samples das faixas de Romaria podem ser ouvidos em: itunes.apple.com/gb/album/romaria/1330065221)

PIZZARELLI NO RIO, SÃO PAULO e BH

O guitarrista-vocalista John Pizzarelli está de volta ao Brasil, em turnê por algumas capitais. Desta vez para interpretar o repertório do seu álbum mais recente, lançado no ano passado: Sinatra & Jobim @ 50, em quarteto, com a participação também de Daniel Jobim (voz e eventualmente piano). 

O filho do igualmente notável guitarrista Bucky Pizzarelli apresenta-se em São Paulo e no Rio de Janeiro nos próximos dias 9 e 10, respectivamente, no Clube Paulistano e no Othon Palace Hotel (Copacabana). No domingo dia 11, o show será em Belo Horizonte, no Teatro Sesc Palladium.

Os promotores da turnê registram que duas das grandes influências de John Pizzarelli – hoje com 57 anos – foram Frank Sinatra e Tom Jobim. E que esses dois mitos “juntaram forças em 1967 para apresentar o lado mais suave e provocante de Sinatra, na esteira de That's Life e Strangers in the Night”. Mais de meio século depois, o guitarrista-cantor celebra com o seu quarteto e o neto de Tom o histórico encontro. No álbum da Concord Jazz e, ao vivo, em turnês pelo Brasil e pelos Estados Unidos.

(Samples do álbum Sinatra & Jobim @ 50 em:

itunes.apple.com/us/album/sinatra-and-jobim-50-feat-daniel-jobim/id1236266300)



Tags: coluna, jazz, jb, luiz, orlando

Compartilhe: