Jornal do Brasil

Sábado, 21 de Julho de 2018 Fundado em 1891

Internacional

Coalizão anti-EI bombardeia posições do regime no centro da Síria

Jornal do Brasil

Um militar morreu e outros sete ficaram feridos em um ataque de aviões da coalizão que combate o EI contra posições do Exército sírio nesta quinta-feira no centro do país, informou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

O ataque ocorreu no sudeste do deserto de Palmira, na província de Homs, a 50 km desta cidade estratégica e não muito distante da região de Al Tanaf, onde a coalizão tem uma base militar.

"A posição atacada está a apenas 20 quilômetros da região de Al Tanaf", disse à AFP o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahaman, acrescentando que "muitos feridos se encontram em estado grave".

O Pentágono negou qualquer bombardeio contra a região atacada, mas informou que "combatentes do Maghawir Al Thawra (milícia síria apoiada por Washington) e os assessores da coalizão na zona de distensão próxima a Al Tanaf foram atacados por uma força hostil não identificada situada justo no exterior da zona de distensão".

Segundo o comandante Adrian Rankine-Galloway, porta-voz do Pentágono, os combatentes da milícia síria apoiados pela coalizão tiveram que "responder em legítima defesa".

A coalizão definiu, em coordenação com a Rússia, esta zona de distensão de 55 km de raio em torno de Al Tanaf, no sul da Síria, onde as forças especiais americanas treinam as tropas locais sírias na luta contra o grupo jihadista Estado Islâmico (EI).

bek/lr

Agência AFP


Compartilhe: