Jornal do Brasil

Sexta-feira, 17 de Agosto de 2018 Fundado em 1891

Internacional

China suspende tarifas contra sorgo americano

Jornal do Brasil

A China anunciou nesta sexta-feira a suspensão das medidas contra a importação de sorgo procedente dos Estados Unidos, no momento em que Pequim e Washington tentam evitar uma guerra comercial.

Em um comunicado emitido pelo ministério do Comércio, os chineses informam que decidiram eliminar as tarifas sobre as importações de sorgo para evitar uma elevação nos custos de produção interna, especialmente para a indústria de carne suína.

Pequim anunciou em abril a imposição de tarifas de até 178,6% sobre as importações de sorgo procedente dos Estados Unidos, alegando 'dumping' e subvenções.

O sorgo é crucial para os agricultores americanos e apenas em 2017 a China importou 4,8 milhões de toneladas, totalizando quase um bilhão de dólares, segundo a alfândega chinesa.

Washington e Pequim retomaram nesta quinta-feira as delicadas negociações comerciais, sob ameaça da possível entrada em vigor, em menos de uma semana, de sanções americanas, que relançariam o fantasma de uma guerra comercial.

"Essas reuniões são o prolongamento das discussões desenvolvidas em Pequim há duas semanas e se centram no reequilíbrio das relações econômicas" bilaterais, declarou a Casa Branca, que exige da China uma redução em 200 bilhões de dólares de um déficit comercial que, em 2017, alcançou os 375 bilhões.

Washington ameaça impor tarifas de 150 bilhões sobre produtos chineses, por considerar que Pequim se envolve em práticas comerciais injustas e viola os direitos de propriedade intelectual. A China responde com a taxação sobre importações de bens americanos totalizando 50 bilhões de dólares.

rld/lr

Agência AFP


Compartilhe: