Jornal do Brasil

Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

Internacional

Turista norte-americana denuncia estupro em Florença

Com base na descrição da vítima, o criminoso seria estrangeiro

Agência ANSA

 Uma turista norte-americana de 24 anos denunciou ter sido estuprada na madrugada desta terça-feira (17), em Florença, no norte da Itália, em mais um caso de violência sexual contra mulheres no país europeu.

Com base na descrição fornecida pela turista, a Polícia acredita que o autor do crime tenha sido um "estrangeiro". A jovem está atualmente em um hospital, onde recebe o atendimento reservado a vítimas de abusos, chamado na Itália de "código rosa".

Segundo a norte-americana, ela havia saído com amigas para dançar no centro histórico de Florença e acabou conhecendo um homem, com quem teria deixado a festa de madrugada. Já durante a manhã, por volta de 7h, ela retornou à pousada onde está hospedada acompanhada do suposto agressor.

Ao entrar no quarto, a jovem começou a chorar em frente às amigas e disse ter sido violentada. O caso é investigado pela Polícia de Florença, que está recolhendo imagens das câmeras de segurança da região para reconstituir o episódio. Outros detalhes do crime não foram divulgados.

Nos últimos meses, diversos casos de estupro deixaram a Itália em estado de choque, como o da alemã que foi violentada e amarrada a um poste em um parque de Roma. Além disso, uma turista canadense foi estuprada por um homem que se apresentara como "motorista" de uma empresa de transportes em Milão. Na maioria desses casos, os autores dos crimes eram estrangeiros. 

Tags: estupro, internacional, italia, mulher, violencia

Compartilhe: