Jornal do Brasil

Sábado, 17 de Fevereiro de 2018 Fundado em 1891

Internacional

Peru debate projeto para legalizar maconha medicinal

Medida ainda precisa ser aprovada pela oposição no Congresso

Agência ANSA

O congresso do Peru deu o primeiro passo nesta semana para legalizar o uso medicinal da maconha ao iniciar um debate do projeto de lei apresentado pelo governo do presidente Pedro Pablo Kuczynski.

A medida permite a venda, sob prescrição, e o plantio individual, sob fiscalização, da droga, com o objetivo de atender a pacientes que sofrem de epilepsia e Alzheimer, e como paliativo para enfermidades terminais.

O projeto foi aprovado na Comissão de Defesa do Legislativo e agora irá ao plenário do Congresso unicameral, controlado pela oposição, que deverá determinar uma data para o debate e aprovação definitiva da medida, que mantém a produção e o porte para uso recreativo proibidos.

O mandatário peruano enviou o projeto ao Congresso depois de ter se sensibilizado com o pedido de um grupo de mães de crianças doentes que mantinham um local de cultivo em Lima para produzir a droga para medicar os filhos.No entanto, a polícia interditou o local.

Caso a medida seja aprovada definitivamente, o Peru seguiria os países vizinhos que já legalizaram o uso da maconha como o Chile, Colômbia, Argentina e México.

Antes de elaborar o projeto de lei, o governo do economista liberal de 78 anos encomendou pesquisas e consultou especialistas sobre a liberação da droga. No ano passado, Kuczynski causou polêmica a considerar que fumar maconha "não é o fim do mundo", porque graves são as drogas pesadas.

Tags: congresso, droga, medicina, peru, venda

Compartilhe: