Jornal do Brasil

Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

Internacional

Itália apreende mais de 90 mil ovos contaminados de Fipronil

Duas operações ocorreram em granjas de Ancona e Viterbo

Agência ANSA

Em meio a um escândalo envolvendo o comércio de ovos contaminados com inseticida Fipronil na Europa, a Itália apreendeu nesta quarta-feira (23) mais de 90 mil ovos afetados pela substância.

Uma equipe do Ministério da Saúde realizou operações em Viterbo e Ancona após duas novas denúncias. Outras sete já tinham sido recebidas pelas autoridades italianas desde que o escândalo veio à tona, com a Bélgica acusando a Holanda de comercializar ovos com inseticida pela Europa, no início de agosto.

Ao todo, foram apreendidos 60 mil ovos para consumo humano e 32 mil para alimentação animal. Três estabelecimentos com 27 mil galinhas e um centro de embalagem de ovos também foram interditados.

As autoridades investigam duas hipóteses sobre o uso do Fipronil: para a desinfecção de terrenos usados por animais e para compor as rações. Logo que o casos dos ovos contaminados veio à tona, a Itália adotou medidas contra produtos suspeitos vindos do exterior e passou a realizar testes de controles em granjas do próprio país. O Fipronil é um inseticida considerado "moderadamente tóxico" para o consumo humano pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Tags: europa, friponil, inseticida, itália, ovos, ue

Compartilhe: