Jornal do Brasil

Sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

Internacional

Putin promete reforçar potencial nuclear de Moscou

Agência ANSA

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou nesta sexta-feira (29) que pretende reforçar o potencial nuclear do país. No entanto, segundo o mandatário, o objetivo não é "ameaçar alguém", mas sim fazer com que Moscou sinta-se "mais segura" e tenha a possibilidade de "atuar em planos de desenvolvimento econômico e social".    

Além disso, Putin advertiu que a nação russa é uma das maiores potências nucleares do mundo. "Não se trata apenas de palavras, mas da realidade", acrescentou. O discurso do presidente pode agravar ainda mais a crise com o dito "ocidente" por conta dos conflitos na Ucrânia.    

Nesta sexta, a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) acusou a Rússia de enviar cerca de mil soldados para o leste do país vizinho, região que é palco de confrontos entre as forças de Kiev e movimentos separatistas.    

Além disso, o premier ucraniano, Arseni Iatseniuk, indicou que pode ser discutido no Parlamento um projeto de lei para anular o status de neutralidade da nação em relação a blocos militares, o que possibilitaria sua adesão à Otan.

Tags: crise, EUA, política, russia, ucranianos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.