Jornal do Brasil

Sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

Internacional

Ban Ki-moon denuncia "massacre de civis" por jihadistas

Agência Brasil

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon denunciou hoje (29) o “massacre de civis” pelos jihadistas do Estado Islâmico no Norte do Iraque.

“Todas as grandes religiões visam à paz e à tolerância”, declarou Ban Ki-moon na 60ª Conferência da Aliança das Civilizações da ONU, que começou na ilha indonésia de Bali.

Por isso, ele explicou que está “particularmente indignado" com os relatórios de massacre de civis no Iraque por parte do Estado Islâmico.

“Comunidades inteiras vivem, há gerações, no Norte do Iraque e são obrigadas a fugir ou encarar a morte simplesmente por causa de suas crenças religiosas”, acrescentou.

O grupo extremista sunita foi fundado em 2006 no Iraque e ressurgiu em 2013 na guerra da Síria. Ele anunciou ter executado quarta-feira (27) 160 soldados sírios na província de Raqa, no Norte, que controla.

Tags: ban, jihad, Nações, onu, Unidas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.