Jornal do Brasil

Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

Internacional

Irã anuncia que abateu drone israelense sobrevoando suas instalações nucleares

Agência Brasil

Os Guardiões da Revolução, um corpo especial das Forças Armadas iranianas, divulgaram hoje (24) ter abatido um drone (aparelho aéreo não tripulado) israelense que sobrevoava o complexo de enriquecimento de urânio de Natanz (centro do Irã).

“Um drone de espionagem do regime sionista foi abatido por um míssil. Esse drone furtivo tentava se aproximar da área nuclear de Natanz", afirmou o corpo de elite das forças iranianas, em comunicado publicado na sua página oficial na Internet.

“Esta ação mostra mais uma vez o espírito temerário do regime sionista (…), os Guardiões da Revolução e outras forças armadas se reservam ao direito de responder a essa ação”, acrescentou o mesmo texto.

O complexo de Natanz é o principal local de enriquecimento de urânio no Irã, onde estão instalados mais de 16 mil centrifugadores. Outros 3 mil centrifugadores estão no complexo de Fordoo, localizado numa zona montanhosa e de difícil acesso.

Israel já ameaçou por diversas ocasiões atacar as instalações nucleares iranianas. O Irã e as grandes potências do grupo 5+1 (Estados Unidos, França, Reino Unido, Rússia, China e Alemanha) firmaram um acordo provisório de seis meses, que levou o regime de Teerã a suspender parte das suas atividades nucleares em troca de uma suspensão parcial das sanções internacionais.

Em julho, esse acordo foi prolongado em quatro meses, até 24 de novembro, dando assim mais tempo para as partes negociarem um acordo definitivo e acabar com uma crise que dura cerca de uma década.

Reconhecido inimigo do Irã, Israel rejeita qualquer acordo que permita o regime iraniano manter um programa de enriquecimento de urânio, afirmando que Teerã poderá utilizar o programa para fabricar armas atômicas.

O regime iraniano sempre negou a acusação, salientando o caráter civil e pacífico do programa.

Tags: AVIAÇÃO, instalações, invasão, iranianos, Israel

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.