Jornal do Brasil

Terça-feira, 16 de Setembro de 2014

Internacional

Após acidente com sobrinho na Argentina, Papa Francisco pede orações a fiéis

Agência Brasil

O papa Francisco pediu nesta terça-feira (19) “a todos os que participam de sua dor, que se juntem a ele em orações”. A declaração foi feita logo após ser informado sobre o trágico acidente de carro, na Argentina, no qual estava seu sobrinho, Emanuel Bergoglio, de 35 anos, a esposa dele e dois filhos do casal. Bergoglio está internado em estado grave. A esposa e as crianças morreram no choque contra um caminhão.

O acidente aconteceu na estrada de madrugada, quando a família voltava a Buenos Aires, depois de um feriadão. Emanuel Bergoglio, filho do irmão do papa, dirigia o carro, quando bateu contra um caminhão, que saía de um posto de gasolina. No impacto morreram a mulher de Emanuel, Valeria Carmona, de 38 anos e os dois filhos do casal, José, 2 anos, e Antonio, 8 meses.

Os médicos do hospital, onde Emanuel foi internado, dizem que o estado dele é “muito grave”. O motorista do caminhão, Raul Palombo, 60 anos, saiu ileso. Ele diz que sentiu o impacto do carro, mas só viu o veículo o veículo ao lado do caminhão, quando parou e desceu para ver o que tinha acontecido.

O papa “está profundamente dolorido”, informou o Vaticano. “Francisco agradece a oração de todos e as expressões de pêsame e solidariedade”, acrescentou.

Tags: acidente, familiares, morte, papa, sobrinho

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.