Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

Internacional

Explosões são ouvidas onde queda de MH17 é investigada

Agência ANSA

Uma série de explosões foram registradas hoje, dia 31, a cerca de cem metros da área onde especialistas estão investigando um ataque contra o avião da Malaysia Airlines no dia 17 de julho, que deixou quase 300 pessoas mortas.

    A agência de notícias russa Ria Novosti advertiu que os especialistas holandeses, australianos e da Organização para a Segurança e a Cooperação na Europa (Osce) estão analisando se irão continuar os estudos no local, onde chegaram na manhã de hoje.

    O Exército ucraniano anunciou hoje a suspensão das operações militares no leste do país por um dia, a fim de permitir o trabalho dos analistas internacionais.

    A medida foi tomada logo após o secretário-geral das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, pedir a interrupção dos combates no local.

    Apesar de suspender a ofensiva, Kiev disse que os oficiais iriam responder se fossem alvo de ataques de separatistas pró-russos.

    O porta-voz do Conselho de Segurança da Ucrânia, Andrii Lisenko, disse, citado pela agência de notícias Interfax, que ao menos 11 militares morreram e 31 ficaram feridos nas 24 horas antes da trégua temporária. (ANSA)

Tags: avião, investigação, malasia, míssil, queda

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.