Jornal do Brasil

Sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

Internacional

Após críticas, Hollande passa a usar óculos franceses

Agência ANSA

Após muita polêmica, o presidente da França, François Hollande, decidiu trocar seus óculos de grau "Made in Dinamarca" por outros de uma marca francesa.    

De acordo com a revista Closer, Julie Gayet, a atriz com quem o presidente teria um relacionamento, teria convencido Hollande a trocar pelo novo modelo. Os novos óculos teriam sido feitos por um amigo.    

No último dia 28 de junho, em ocasião de uma visita ao festival de música Solidays, o presidente foi presenteado com um par de óculos com formato retangular e armação preta em titânio, de produção dinamarquesa. Imediatamente começaram a pipocar comentários nas redes sociais de internautas indignados com o fato de Hollande, que já está com baixa popularidade, não ter escolhido uma marca nacional. Um produtor de óculos enviou ao presidente outra armação e uma carta, onde recordava a importância do "know-how" e a "forte concorrência internacional no setor de ótica".     

Na última terça-feira, 22, em ocasião de uma visita ao novo rei da Espanha, Felipe VI, Hollande exibiu seus novos óculos, de fabricação 100% francesa. Um gesto, comentou a Closer, que deixará muito feliz o ministro da Economia, Arnaud Montebourg, paladino do patriotismo econômico e da defesa da indústria nacional. 

Tags: . armação, econômico, francês, nacionalismo, presidente

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.