Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Setembro de 2014

Internacional

Barco com 350 imigrantes chegou na ilha de Lampedusa

Imigrantes foram acolhidos pelo Exército italiano

Agência ANSA

Um barco com mais de 350 imigrantes chegou nesta sexta-feira (18) no porto de Lampedusa, sul da Itália, sem ser percebido pelos controles da operação Mare nostrum, da Marinha italiana. A bordo da embarcação estavam 110 mulheres e cerca de 30 crianças.        

Os imigrantes, sírios, eritreus e somalis, foram acolhidos pelos militares do Exército italiano, comprometido no âmbito da operação "Caminhos Seguros".    

As pessoas foram levadas para o Centro de Acolhimento de Contrada Imbriacola no qual já estão hospedados 200 imigrantes.    

Ainda em Lampedusa, outro grupo, de 94 imigrantes, foi socorrido pela Capitania Italiana. Outros 251 imigrantes socorridos pelo navio "Peluso" da Guarda Costeira italiana chegaram na manhã de hoje em Pozzallo.

Estes estavam a bordo de uma embarcação de madeira de 18 metros a 40 milhas de Trípoli.    

A nacionalidade síria e nigeriana os imigrantes são 224 homens, 25 mulheres e 2 crianças. Três mulheres grávidas forma transferidas para a ala de ginecologia do Hospital de Modica para realizarem exames.    

Já na noite de ontem, um etíope tinha lançado um alarme para a mãe através de seu celular, informando que se encontrava a bordo de um barco que estava afundando ainda fora das águas italianas, mas já próximo da costa siciliana, porém hoje não atende mais o celular. O alarme foi dado pela mãe do jovem africano que mora na Itália, na cidade de Bolzano. Nos últimos dois dias A Marinha Italiana socorreu mais de 3,5 mil imigrantes em embarcações com dificuldades.    

Nos primeiros dias de julho, cerca de 70 imigrantes estavam desaparecidos após um naufrágio no Canal da Sicília. Segundo estimativas do governo da Itália cerca de 60 mil pessoas foram resgatadas do mesmo local desde o começo de 2014.    O governo italiano, assim como o papa Francisco, faz frequentes apelos para que a comunidade europeia ajude Roma a lidar com o problema da chegada de imigrantes pelo mar.

Tags: barco, imigrantes, itália, lampedusa, resgate

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.