Jornal do Brasil

Segunda-feira, 28 de Julho de 2014

Internacional

Exército iraquiano se retira de 3 cidades no oeste

Agência ANSA

As forças iraquianas se retiraram, com uma manobra definida como "tática", de três cidades no oeste do país que foram alvo de uma ofensiva promovida pelos insurgentes sunitas do Estado Islâmico do Iraque e do Levante (Isis) nos últimos dias. Segundo o general Qassem Atta, as tropas deixaram Al-Qaim, Rawa e Aana para serem redistribuídas. Após o abandono, pelo menos 21 pessoas foram executadas a tiros pelos rebeldes nesses municípios.    

Enquanto isso, sete indivíduos morreram em um ataque aéreo das forças do governo em Tikrit, no norte iraquiano, que também está nas mãos dos jihadistas. Há duas semanas, as forças de segurança tentam recuperar o seu controle. No entanto, ainda não se sabe se as vítimas são civis ou milicianos. Por outro lado, a BBC informou que os rebeldes do Isis conquistaram a cidade de Rutba, que fica a 150 km da fronteira com a Jordânia. De acordo com a rede britânica, os insurgentes pretendem assumir o comando de toda a região de Anbar (onde fica Rutba), cuja maioria da população é sunita. "Os jihadistas do Isis estão desestabilizando o Iraque e existe o risco de possíveis recaídas nas nações vizinhas", declarou o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, em uma entrevista que irá ao ar nesta segunda-feira (23) pela CBS.    

Apesar do aumento da tensão no território iraquiano e do avanço dos rebeldes, o mandatário norte-americano já garantiu que não irá realizar intervenções militares para conter o Isis.

Tags: exército, iraque, ofensiva, Oriente Médio, retirada

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.