Jornal do Brasil

Sexta-feira, 28 de Novembro de 2014

Internacional

Itália recebe Dalai Lama após 13 anos

Agência ANSA

O líder budista Dalai Lama chegou nesta terça-feira (10) à Itália, no instituto budista Lama Tzong Kapa de Pomaia, na Toscana, onde ficará hospedado pelos próximos dias. Esta é a primeira visita do religioso na Itália após 13 anos.    

"Estou aqui para promover, como faço em todo lugar que visito, a unidade de 7 bilhões de seres humanos e a harmonia entre as religiões", afirmou o religioso ao chegar ao país.    

Ao chegar no templo budista, Dalai Lama brincou sobre o calor "indiano" que ele sentia na localidade italiana e elogiou os produtos locais oferecidos a ele.    

"Este pão me recorda o da minha casa", disse ele na cerimônia de acolhimento no templo de Pomaia, na fração do Município de Santa Luce na província de Pisa, onde foi recebido por cerca de 500 pessoas. O prefeito a localidade, Andrea Marini, acompanhado pelos assessores Stefano Bertoli e Tania Mariottini acolheram o religioso.    

Marini recordou que "em 1996 o conselho municipal, em votação unânime, conferiu ao Dalai Lama a cidadania honorária de Santa Luce em sinal da estima e respeito e nós estamos felizes de recebê-lo hoje porque representa e contribui com a ideia de paz no mundo todo".    

"Em uma época como esta de crise econômica, moral e cultural é necessário o compromisso de instituições e cidadãos no esforço comum para o desenvolvimento e o bem-estar de todos", destacou o prefeito.    

Por sua vez, o Dalai Lama respondeu que "a crise afeta o mundo todo, sete bilhões de pessoas. Tenho quase 79 anos, a 55 estou no exílio e posso afirmar que problemas e crises existem sempre. Para enfrentá-los é preciso pensar que o problema do outro é também o nosso problema".    

Nos próximos dias 14 e 15, o Dalai Lama irá para a cidade de Livorno na qual participará de vários eventos e se reunirá com personalidades italianas.

Tags: calor, Dalai, italianos, luce, visita

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.