Jornal do Brasil

Segunda-feira, 1 de Setembro de 2014

Internacional

Em mensagem a Dilma, Cristina Kirchner pede que Copa "fique na Pátria Grande"

Agência Brasil

A um dia da abertura da Copa do Mundo, a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, enviou hoje (11) mensagem, pelo Twitter, à presidente Dilma Rousseff manifestando o desejo de que o título do Mundial "figue na Pátria Grande [América Latina].

Em sua conta oficial no Twitter, Cristina saudou a chefe do governo brasileiro e disse que o campeonato, que será aberto nesta quinta-feira (12), em São Paulo, será uma verdadeira festa.

"Querida companheira Dilma Rousseff, em nome de todo o povo argentino, não temos dúvida de que Brasil 2014 será uma verdadeira festa. Como você disse ontem [10], será um mundial de paz, tolerância, diversidade, diálogo e entendimento." E acrescentou: "também de integração".

Ao pedir que o primeiro lugar no Mundial "fique na Pátria Grande", Cristina referiu-se a um programa especial de TV em que o ex-jogador Diego Maradona e Víctor Hugo Morales propuseram: "joguemos para a América Latina".

A cerimônia de abertura da Copa do Mundo será às 15h na Arena Corinthians, em São Paulo, onde, às 17h, as seleções do Brasil e da Croácia disputarão a primeira partida pelo Grupo A.

O primeiro jogo da Argentina, que está no Grupo F, será domingo (16), às 19h, no Maracanã, Rio de Janeiro.

Tags: 2014, argentinos, brasil, Mundial, Twitter

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.