Jornal do Brasil

Sábado, 29 de Novembro de 2014

Internacional

Testemunhas dizem que Boko Haram raptou 20 mulheres na Nigéria

Agência Brasil

Pelo menos 20 mulheres foram raptadas na Nigéria pelo grupo islamita Boko Haram, que recentemente raptou 200 jovens, informou hoje (10) a BBC, citando testemunhas. As mulheres foram colocadas  em carros, com armas apontadas, e levadas para local incerto no estado de Borno, disseram as mesmas fontes.

O Exército nigeriano ainda não comentou o incidente, que ocorreu quinta-feira (5) no acampamento nômade de Garkin Fulani.

As Forças Armadas nigerianas enfrentam duras críticas por não conseguir tomar providências em relação aos ataques de militantes do Boko Haram no Nordeste do país. Apesar de decretado o estado de emergência na região, os habitantes dizem que o Exército está inativo ou mesmo ausente, permitindo que os militantes continuem os ataques.

O grupo tem provocado uma rebelião cada vez mais sangrenta desde 2009, em uma tentativa de criar um Estado islâmico na Nigéria.

Milhares de pessoas já morreram nos ataques e na resposta das autoridades.

O último incidente ocorreu perto do local onde 200 jovens foram raptadas da aldeia de Chibok, perto da fronteira com Camarões, em 14 de abril.

Tags: áfrica, exército, mulher, NIGÉRIA, rapto

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.