Jornal do Brasil

Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Internacional

Coreia do Norte diz que escritório da ONU em Seul é "provocação intolerável"

Agência Brasil

A Coreia do Norte classificou hoje (4) como “provocação intolerável” o fato de a Coreia do Sul ter aceitado abrir, em seu território, um gabinete das Nações Unidas (ONU) na capital Seul, dedicado a supervisionar questões de Direitos Humanos no governo norte-coreano.

Ao aprovar a abertura do gabinete, a Coreia do Sul cometeu uma “provocação política intolerável que tem como objetivo aprofundar o confronto entre os dois países irmãos e concretizar a sua ambição de reunificação pela força”, informou o jornal do Partido dos Trabalhadores da Coreia do Norte, Rodong Sinmun.

O jornal acrescenta que a medida “conduzirá as relações entre as duas Coreias à catástrofe e projetará uma sombra de perigo de que instale uma guerra na península coreana”.

A reação da Coreia do Norte ocorreu depois que, na última quinta-feira (29), o governo da Coreia do Sul confirmou que um gabinete do Alto Comissário dos Direitos Humanos da ONU vai abrir um escritório em Seul.

No último relatório apresentado em março deste ano, a ONU associou o governo da Coreia do Norte a crimes contra a humanidade equiparados aos cometidos pelos nazistas alemães e pelo apartheid na África do Sul.

Tags: CONFLITO, Coreia, Nações, tensão, Unidas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.