Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

Internacional

Modelo brasileira é solta após 2 semanas presa na China

Portal Terra

A modelo brasileira Amanda Griza, 19 anos, presa na China há duas semanas, foi solta na manhã deste domingo e embarca ainda hoje para o país. Por volta das 13h (horário de Brasília), ela já aguardava o voo no aeroporto chinês, segundo a mãe, Elena Griza. A jovem deve chegar em Florianópolis nesta segunda-feira.

Amanda foi presa no dia 8 com outros 60 modelos durante um falso teste profissional. A operação da polícia daquele país tinha como objetivo coibir a atuação de modelos que não têm visto de trabalho. Elena diz que recebeu informações de que a filha estava em um centro de detenção de estrangeiros com outras 11 garotas, mas não recebeu muitos detalhes das condições dela. 

Natural de Osório, no Rio Grande do Sul, a família reside há sete anos em Balneário Camboriú, em Santa Catarina. A jovem trabalha desde os 11 como modelo. O pai, Edson, contou anteriormente ao Terra que a filha ficaria apenas mais alguns dias em Pequim, onde houve a prisão, antes de se mudar para Hong Kong, concluído o contrato de trabalho.

Tags: chinês, floripa, libertação, modelo, presídio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.