Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

Internacional

Papa Francisco pede paz no Oriente Médio

Jornal do Brasil

O papa Francisco chegou neste sábado em Amã, na Jordânia, primeira etapa de sua peregrinação à Terra Santa. Ele fez um apelo por uma solução pacífica e urgente para a guerra que devasta a Síria e por uma solução para o conflito entre israelenses e palestinos.

"Peço às autoridades do reino jordaniano que perseverem em seus esforços para buscar uma paz duradoura em toda a região. Este grande objetivo necessita urgentemente de uma solução pacífica para a crise na Síria, assim como de uma solução para o conflito entre palestinos e israelenses", afirmou o papa diante do rei Abdullah da Jordânia no palácio real, em Amã.

O avião da Alitalia aterrissou às 13h locais (7h de Brasília) no aeroporto da capital jordaniana, onde foi recebido pelo príncipe Ghazi bin Mohamad, um dos assessores mais próximos do rei Abdullah II e presidente da comitiva oficial que acompanhará o pontífice em sua visita ao reino.

Após receber uma coroa de flores e atravessar um tapete vermelho cercado pela guarda jordaniana, Francisco descansou alguns minutos em uma sala do aeroporto. De lá, o papa foi conduzido em automóvel ao palácio Al Husseini. Depois da recepção oficial e um pequeno descanso, a programação oficial contou com uma missa no estádio internacional de Amã. Lá, o papa disse que não se pode comprar ou vender a paz, que ela é um "dom" que devemos "construir por meio de gestos grandes e pequenos em nossa vida cotidiana".    

"Nós também somos enviados como mensageiros e testemunhas de paz", disse Jorge Mario Bergoglio, fazendo referência aos conflitos que assolam a região do Oriente Médio. "O caminho da paz se consolida quando reconhecemos que todos nós temos o mesmo sangue e fazemos parte da raça humana", concluiu o Pontífice.    

A peregrinação continuará no domingo na cidade palestina de Belém, onde Francisco se reunirá com o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, e realizará uma missa para oito mil pessoas. Depois, o papa irá para Israel, onde visitará Jerusalém.

Com Agência Ansa

Tags: ama, Francisco, JERUSALÉM, rei, visita

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.