Jornal do Brasil

Sábado, 1 de Novembro de 2014

Internacional

Visita do Papa terá segurança especial em Amã

Agência ANSA

Medidas de segurança especiais estão sendo tomadas em Amã, com tropas especiais em alerta na divisa com a Síria, para a visita do papa Francisco. A área do local do Batismo de Jesus, no Rio Jordão, também já foi fechada para os visitantes hoje (23) e só será reaberta após a visita do Pontífice. Além disso, também foi elaborado um esquema de segurança especial na divisa com Israel, no qual colocaram um cordão especial que é impenetrável por turistas ou cidadãos comuns.

    Assim a Jordânia se prepara para receber Francisco amanhã (24), que ficará no país até o domingo (25). Segundo o porta-voz do comitê que preparou a visita, Father Rifat, "o Pontífice será hóspede do rei, que lhe assegurará a melhor hospitalidade e a primeira coisa que pensamos foi a segurança". Em Amã, forças especiais e que atuam em ataques químicos estarão pela cidade já amanhã (24) de manhã, horas antes da chegada de Francisco. Elas atuarão, especialmente, onde haverá aparição pública, como a Missa no Estádio Internacional.

    Os responsáveis pela visita não revelaram nenhum detalhe do plano previsto, e se limitaram a dizer à ANSA que "faremos tudo de um modo que ele chegue aqui e tenha toda a segurança". O Pontífice, por exemplo, será acompanhado por todo tempo por forças especiais da Guarda Real durante o encontro com refugiados sírios que estão no país.

Tags: ama, Francisco, jordão, viagem, visita

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.