Jornal do Brasil

Terça-feira, 23 de Setembro de 2014

Internacional

"Eleição de domingo é contra o terror", diz premier italiano

Agência ANSA

O primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi, afirmou nesta terça-feira (20) que, em vista das eleições europeias, os eleitores devem evitar os candidatos que apoiam o "terror", em uma clara referência ao Movimento 5 Estrelas (M5S), do ex-comediante e opositor Beppe Grillo, que tem feito constantes críticas ao governo.

"Domingo teremos um clássico, mas não entre Inter e Milan, e sim, entre os que pensam que o futuro da Itália é o de evocar terror e acumular derrotas, e entre os que pensam, assim como eu, que podemos entrar no jogo e mudar as coisas", comentou Renzi, referindo-se às eleições. "Se conseguirmos levar o nosso entusiasmo à Europa, revolucionaremos a Itália", acrescentou, fazendo um balanço positivo dos seus 80 dias de governo.

Renzi também defendeu que seu governo está levando adiante uma série de mudanças estruturais no país. Ele também ressaltou a necessidade de facilitar alguns atos burocráticos, como o pagamento de impostos. "Tenho certeza que, se facilitarmos o pagamento dos impostos, poderemos fazer isso com uma mensagem SMS. A Itália é um país que 'bagunça' as coisas simples", disse. "Para a revolução, é preciso dar um passo de cada vez".

Tags: domingo, Eleições, europeias, grillo, itália

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.